Você parece ter perdido sua conexão com a internet!
Certifique-se de que esta conectado para que não perca os dados desta página.
Campos com bordas vermelhas são obrigatórios e devem ser preenchidos corretamente !
CASA EDITORA O CLARIM | 113 anos divulgando o Espiritismo
CASA EDITORA O CLARIM
anos divulgando o Espiritismo
MEU CARRINHO
0
itens adicionados
0
  • televendas (16) 3382.1066
  • contato
  • WhatsApp (16) 99270.6575
  • redes sociais
  •    
  • MEU CARRINHO
    0 itens adicionados
Produtos ↓
Jornal O Clarim • Dezembro 2018
Ajudando a resolver os seus problemas Temos que refletir seriamente na tese do autoconhecimento, a fim de nos refazermos por dentro
Wilson Gonsalez
wilsongonsalez@uol.com.br
01/12/2018

Procure libertar-se de todos os seus medos. São inimigos de alta potência que paralisam nossas emoções, deixando-nos entregues a toda sorte de pensamentos negativos.

As negatividades destroem o que de melhor possuímos dentro de nós. Elas jamais construirão algo que nos sirva, que tenha utilidade. Pelo contrário, seus elementos destrutivos subtrairão de nós as melhores energias, deixando-nos isolados, tristes e deprimidos.

Pense de forma diferente. Batalhe pelo otimismo a cada instante em que for preciso refletir sobre um ato, uma ação ou uma luta. Considerando mentalmente apenas as coisas boas e construtivas, por certo seus sonhos ganharão contornos de vencedores, o que facilitará em muito o emprego das nossas energias.

Saibamos exercitar as boas qualidades. De más atitudes o mundo está repleto e desconsolado. Trabalhemos o nosso íntimo para vibrar pelos bons sentimentos, pelo bom relacionamento entre as pessoas e pela magia do amor, solidificando os elos de amizade estabelecidos entre nós e os outros.

Do pensamento de que todos somos irmãos deve partir a nossa mais forte iniciativa, justamente no campo do relacionamento humano, complicado demais para nos darmos sempre bem uns com os outros.

Fortaleçamos o nosso desempenho moral para que ele se reflita por inteiro em nosso campo espiritual. Não basta ser gênio. É preciso saber amar com genialidade. Não importa ser rico de posses, mas simples e humilde de coração.

Estamos aprendendo. Há muitos estudos pela frente. Mas, reflitamos um pouco nos ensinamentos deixados pelo Mestre, quando esperava que os homens de boa vontade pudessem praticá-los, ensinando-os logo em seguida aos necessitados de luz, de rumo, de retificação de caminhos.

Tudo isso é importante, mas temos que refletir seriamente na tese do autoconhecimento, a fim de nos refazermos por dentro, criando mecanismos novos que possam eliminar os velhos erros que estão arraigados em nossas consciências e corações.

Coloquemos a nossa fé para se agigantar a cada um dos nossos passos. Teimemos em acreditar seriamente no poder de transformação que a crença do bem e do amor poderá implantar em nossos Espíritos.

Temos que nos renovar por inteiro. Há muitas névoas em nossos passados milenares. Há incontáveis compromissos que teremos de enfrentar em existências futuras, já que o nosso empenho em resolver dívidas de passado é muito lento, deixando-nos sempre na condição de devedores para com as leis de Deus.

Saibamos agir com moderação e prudência. A reflexão antes da ação poderá nos livrar de novos perigos. Atentemos para as intuições que não sabemos de onde nos chegam.

Procuremos fazer as respectivas leituras dessas mensagens anônimas e ocultas, mas que muitas vezes procedem de protetores nossos, que querem nos ajudar a saldar antigos compromissos, a estar de bem com nossas consciências e a obedecer aos mandamentos da justiça, do amor e da caridade.

Firme-se no bem e na solidariedade. Auxilie sempre. Só pense em coisas boas e positivas. De resto, a vida (com Deus) o ajudará a resolver os seus problemas.